Índice de Artigos


6) 3 QUESTÕES SOBRE O AMOR DE DEUS: a)Por que se Deus é bom e amoroso, permitiu o mal? Quem age assim, assume uma visão incompleta sobre Deus:

* Deus é poderoso mas não tão bondoso pois não pára o mal ou todo bondoso, mas não todo poderoso pois não pode parar o mal.A tendência é o homem culpar a Deus por todo o mal e sofrimento e passar a responsabilidade de seus pecados p/Deus. Deus é bom e único centro moral referencial do universo e não o homem (Lc.18:19). Bom é o que Deus aprova e não há nenhum padrão de bondade maior que o caráter de Deus pois sua aprovação a alguma coisa como bom, consiste nesse caráter. No caso da permissão do mal existir, o homem foi criado perfeito, eterno e inocente, não sendo capaz de escolher entre o bem e o mal, mas o fez e o homem que nunca pecara, a maldição do pecado veio como resultado (Rm.5:12). O homem-e não Deus-é responsável pelo pecado e Deus não fez o homem com capacidade de não pecar porque à sua imagem e semelhança temos capacidade de escolher. Guerras foram iniciadas por homens (Tg.4:1) e o que semeamos, colhemos (Gn.26:12). Deus tira o sofrimento e dor apesar de vivermos no meio de homens impios, em sociedade corrompida, mas seremos consolados (Ap.21:4),se quisermos aceitar o seu plano de salvação por meio de Cristo. (Sl.20:4).

b)Por que Jesus é o único caminho? O pluralismo ou diversidade religiosa vai contra o que a Palavra de Deus ensina, pois Jesus mesmo disse que Ele é o único caminho a Deus (Jo.14:6), dando salvação a todos(At.4:12), único mediador (1 Tm.2:5).

OBS: * Uma crença sincera não é suficiente-Fazer algo baseado no que se acha e não na Palavra de Deus é ilógico. O que é realmente bom, se encontra na Biblia (2 Tm.3:16).

* Nem todas as crenças levam a Deus: - As religiões não se misturam e há muitas crenças contradizem a Bíblia e quem não crêr como ela diz, morrerá em seus pecados e incredulidade (Jo.8:24)

.c)Como pode um Deus de amor mandar as pessoas para o inferno? As pessoas é que se colocam lá pois o inferno nunca foi criado para o homem, mas para os demônios (Mt.25:41) e Deus não quer ninguém lá (Ez.33:11; 2 Pe.3:9). As pessoas não vão ao céu ou inferno "acidentalmente", mas por suas escolhas. O Motivo da condenação está em Jo.3:16-21-rejeitam Cristo preferindo a morte espiritual pois rejeitam a autoridade e amor divinos.

7)AMOR X IRA DIVINA:


Deus é amor (1 Jo.4:8,16), mas é fogo consumidor (Dt.4:24;Hb.12:29). O AMOR DE DEUS É:

a)Independente (Dt.7:7,8;2 Tm.1:9);
b)Eterno (Jr,31:3;Ef.1:4,5);
c)Soberano (Rm.9:15;Dt.32:39);
d)Infinito (Ef.3:19;Sl.147:5;Rm.5:8);
e)Imutável (Ct.8:6,7;Tg.1:17; Rm.8:35-39); f) Santo (Rm.5:21);1 Jo.4:8,16; Hb.12:5);
g)Gracioso (Jo.3:16; 1 Jo.4:9);
h)Aperfeiçoador (1 Jo.4:18);
i) Santificador (1 Jo.4:7,8,12,16,20,21).

A IRA DE DEUS:


•Anda junta com o amor (Nm.14:18;Rm.11:22; Hb.12:5);

• É expressão do seu amor (Sl.136:14-21); Sem a ira de Deus, Ele seria indiferente ao pecado, mostraria ausência de moral e aceitaria corrupção. O homem também se ira no seu amor (Pv.13:24).
• é expressão de sua santidade (Nm.14:18);

• Testifica sua santidade (Sl.89:35;Sl.95:11; Ap.6:16).

BENEFÍCIOS DA IRA DE DEUS:


• Revela o pecado (Rm.5:8);

• Provoca temor a Deus (Lc.12:5;Hb.12:28,29);

• Incita louvor a justiça de Deus (1 Ts.1:10; Ap.19:1);

• estimula evangelização (2 Co.5:11);
• Confirma a fé dos justos (Sl.58:10,11);
• Traz a glória de Deus por Jesus Cristo (Fil.2:10-11).

A SUA VIDA TEM GLORIFICADO A JESUS CRISTO, EM AMOR? (Sl.18:1; Js.22:5)

8)AMAR É:

a) Perdoar: Não é sentimento, mas decisão. (Mt.18:21-22; 33-35)-S/esmorecer;
b)Não contender/discutir: (Tg.3:16) pela inveja e espírito faccioso.(2 Tm.2:24-26).Discussão envolve 2 pessoas., afaste-se e ore.
c)Tirar o jugo de si mesmo: (Is.58:9)-Parar de manipular as pessoas, usando-se de influência, dinheiro, sexo, etc.
d) Deixar de estender o dedo: Deixar de ver o mal nos outros, esquecendo de suas falhas (Mt..7:1-5);
e) Deixar de falar vaidade: Deixar de se vangloriar como o melhor (Pv.27:2).
f) Encobrir a transgressão dos outros: (Gn.9:20-26; Pv.17:9)-Transgredir é quebrar uma ordem (Is.42:25; Rm.5:14). Não é ocultar pecados, mas tentar resolvê-los sem escândalo.
g) Falar palavras de edificação aos outros (Ef.4:29;Fp.4:8;Mt.15:11)-olhando como os olhos de Deus.Se a pessoa tem falhas, veja seu lado positivo e ore por ela. Muitas igrejas criticam, se intrometendo na vida das pessoas. Respeitemos as diferenças, alertando contra a sensualidade, escândalos e indecências.

h) Amparar os inimigos (2 Rs.6:8-23; Pv.25:21; Rm.12:20).

i)Ter piedade: Respeito pelas coisas religiosas e espírito de devoção (1 Tm 4.8) e ter compaixão (Ez 7.4), renunciando ao mundanismo (Tt.2:12), pelo Espírito (Fp.1:6;2:13;4:13), sendo perseguidos (2 Tm.3:12; Mt.10:25) pelos falsos piedosos sem pureza de coração (Mt.5:8).

j)Crescer na Graça: Mudando, amadurecendo e crescendo com responsabilidade pessoal (1 Pe.2:2);entendendo a misericórdia de Deus na salvação, expressa por virtudes (2 Pe.1:5-7), aumentada (Rm.15:13;2 Co.8:7;2 Ts.1:3;Tg.1:4) pelo Espírito Santo (Rm.15:13).

k) Ter arrependimento: (2 Co.7:10), reconhecendo (Os.5:15; 1 Co.14:37; 1 Ts.5:12), entristecendo-se, (Jo.21:17; Mc.14:19), confessando (Sl.32:5; Rm.10:9)e abandonando (Sl.37:9) o pecado (1 Rs.8:47-50).

l) Ter União: Deus quer que sejamos unidos, não apenas por legislação humana (convenções, congressos, conferências) ou por estrutura de organização humana (hierarquias denominacionais) ou por meio de placas de igrejas ou se achar dono da igreja, expulsando os opositores (3 Jo.10:11), mas pela santificação (Jo.17:17-19) pela Palavra (Cl.3:17) em concordância de paz (1 Co.1:10). Unidade artificial é fácil pois esconde erros, mas não é permanente nem eterno. Ademais, precisaremos usar de autoridade e disciplina na Igreja, pois há os que não querem levar as coisas de Deus à sério.

4 tipos de Repreensão:

• Pessoal-(1 Tess.5:14; Hb.10:25; 2 Tm.2:24,252 Co.13:2 e 10);
• C/Testemunhas: (informando a líderes pacificadores);
• Pública: Levando caso à Igreja (1 Tm.5:20) e
•Exclusão:(1 Co:5:9-13) -pecador parece ser irmão, mas é motivo de tropeço. Não é impedir a pessoa pôr os pés na igreja, mas não se associando com ela até que se arrependa. (Tt.3:10,11 e 2 Ts.3:14,15).

Receba mensagens WhatsApp

  1. O número DEVERÁ estar cadastrado no WhatsApp e ADICIONAR EU SEU APARELHO.
  2. Nome Completo(*)
    Entrada Inválida
  3. DDD + Telefone(*)
    Entrada Inválida
  4. Email(*)
    Entrada Inválida

Artigos

eBook - Livros!

   

Doe Agora

Deus se importa

Se você precisa de uma palavra abençoadora para o seu coração, então clique AQUI.

Visitantes Online

Temos 744 visitantes e Nenhum membro online

Recursos

MonteSinai